jeudi 11 avril 2013

fip palabra no mundo


Festival internacional de poesía espalhada por todos os lugares!
 
VII a edição de 09 a 21 de maio, 2013
 
Vorto en la mondo, Palavra no mundo, Parola nel Mondo, Worte in der Welt, Rimayninchi llapan llaqtapi, Paràula in su Mundu, Cuvânt în Lume, Parole dans le Monde, Ordet i verden, Word in the world, Palabra no mundo, Ñe’ê arapýre, Paraula en el Món, Chuyma Aru, Koze nan lemond, Kelma fid-dinja, milá baolam, Nagmapu che dungu, Tlajtoli ipan tlaltikpaktli, Vort in Velt, Dünyada kelime,  lhamet ta íhi honhát, Titzaa yeezii loyuu, Dunyoda so’z , Слово в мире, Pallabra nel mundu, Hitza Munduan, T'aan yóok'ol kaab

Convocação

Paz e Poesia / Poesia e Paz

Convocamos os povos à Assembleia Poética! Plantemos a Poesia para colher a Paz.
Que sejam os vizinhos de uns e outros lugares que convoquem, em cada bairro, em cada cidade, onde for possível e também onde for impossível.

Que os poetas tomem a palavra e que, no cumprimento desse rito, o bom pão passe de mão em mão iluminando as rondas.

Que esses incêndios ponham fim à noite do belicismo e da cobiça, que iluminem um longo dia em que nossas crianças possam brincar.

Abram todas as janelas ao vento de canto coletivo que unirá os povos na urgente tarefa de fraternidade.

Nossa resposta aos mercadores do ódio é dar-nos as mãos, reunir-nos para cantar juntos, juntar-nos para abrir os olhos, afirmar o imenso poder do amor, que, em todas as línguas, se expressa na fraternidade.

E que da Árvore da Paz, os frutos da poesia sejam compartidos na festa do Futuro que a humanidade almeja.

Que a palavra no mundo cresça, em cada pessoa e em todas elas, com tudo o que o mundo precisa!


 Manual de Operação
 
O possível (e também o impossível) em breves linhas:

Palavra no mundo é uma iniciativa unitária e se constrói com a participação de todos. A ideia base é que cada um de nós organize uma atividade poética na sua cidade. A  soma de todas resultará no “Festival de Poesia em todos os lugares
 
Quem o acolher em cada lugar, tem plena liberdade para integrar as variantes que julgue necessárias: Música, Teatro, Artes Plásticas, Fantoches, Fotografia, Cinema, Dança, Ciência, Historia, etc.
 
A divulgação deve levar este cabeçalho:
 
fip palabra no mundo
Festival internacional de poesía espalhada por todos os lugares!
 
VII a edição de 09 a 21 de maio, 2013
 
Vorto en la mondo, Palavra no mundo, Parola nel Mondo, Worte in der Welt, Rimayninchi llapan llaqtapi, Paràula in su Mundu, Cuvânt în Lume, Parole dans le Monde, Ordet i verden, Word in the world, Palabra no mundo, Ñe’ê arapýre, Paraula en el Món, Chuyma Aru, Koze nan lemond, Kelma fid-dinja, milá baolam, Nagmapu che dungu, Tlajtoli ipan tlaltikpaktli, Vort in Velt, Dünyada kelime,  lhamet ta íhi honhát, Titzaa yeezii loyuu, Dunyoda so’z , Слово в мире, Pallabra nel mundu, Hitza Munduan, T'aan yóok'ol kaab

Paz e Poesia / Poesia e Paz
 
E se acrescenta a instituição, o grupo, etc  e o  local para Ponto de Encontro.
 
Divulgação:
Todos os organizadores assumem a missão de divulgar o Festival entre os seus contactos, com o objetivo de alcançar a maior participação de público e ampliá-lo a outras cidades e países.
 
Poesia na escola:
Conferências de poetas nas escolas; os professores podem trabalhar com Poesia, falar de Poesia; os alunos as escrevem,  ilustram. As ilustrações podem ser expostas na escola ou trocar  com outras escolas que também  participem ou mesmo  expor em vitrines de lojas da cidade; podem ser realizadas atividades lúdicas em torno da Poesia; interação da Poesia com a Escultura,  a Pintura, a Música, o Teatro, o Circo ou Marionetes, etc.
 
Universidade:
Organização de colóquios, seminários, conferências sobre Poesia, sobre obras de autor/es, correntes e/ou escolas literárias, etc. Homenagens a poetas locais e/ou universais, debates sobre o papel e lugar da Poesia na atualidade.
Realização de recitais, exposições de poesia ilustrada e/ou poesia visual. Os Departamentos de Cultura ou órgãos de Extensão das universidades, vinculados com a comunidade  possuem a dinâmica necessária para executar estas propostas com o objetivo principal de integração: comunidade universitária/sociedade.

Canto e poesía:
Convidamos os músicos, os compositores, os grupos musicais, que programem um recital com a participação de um ou mais poetas. Dividir o cenário, musicalizar poemas e outras variantes inovadoras. O essencial é que a Música e o Canto dêem as mãos na expressão poética.

Rádio:
Durante os dias do Festival podem ser transmitidos  programas ou micro programas de Poesia, com poetas convidados, entrevistas, declamações, etc. Transmissão de encontros poéticos com o cunho de “Palavra no Mundo”. Apoio das rádios  às atividades do Festival, pela cidade.
 
Televisão:
Exibição de programas ou série de entrevistas com autores locais e/ou  sessões culturais com leitura de Poesia no estúdio ou em externas. Também faixas musicalizadas com declamações de poemas, etc.

Jornais e revistas:
Os jornais podem publicar uma página ou suplemento de Poesia. As revistas podem participar com um número especial dedicado à Poesia.

Bibliotecas:
Organizar homenagens a poetas ou recitais de Poesia. Difundir nessa semana, de maneira especial, o acervo e o patrimônio  poético da biblioteca procurando aproximar mais os livros do público, com convites a recitações, participações de autores e da comunidade. Realizar campanhas para aumentar o acervo de livros de Poesia. Divulgação do acervo nas mídias possíveis.
 
Jardins Botânicos, Campus Universitários, Parques:
Organizar leituras de Poesia;  plantar uma árvore pela Poesia ou em homenagem a um ou a vários poetas, com a ideia simbólica de criar, com o tempo, um “Pequeno Bosque da Poesia” ou  “Pequeno Bosque da Palavra Poética no Mundo”,  etc.
 
Municipios:   
Muitos municípios declararam  o evento  “Palavra no Mundo” como atividade de interesse  municipal. A partir do interesse das autoridades culturais do Município ou da Região, manifestados em várias oportunidades, surgem frequentes  apoios e isso tem ajudado bastante os organizadores locais.
 
Para ser declarado importante para o bem comum, realiza-se um simples trâmite perante as autoridades da Cultura com a devida antecipação. Os municípios que dinamizaram e apoiaram as atividades de Palavra no Mundo foram retribuídos enormemente com o êxito de cada edição, que teve eco positivo nos meios de comunicação locais e regionais.
 
Os municípios, através da Gestão Cultural Pública podem realizar atividades vinculadas à poesia  com grande sucesso.
 
Outras ações:
Diversos grupos culturais e/ou de Poesia  têm levado a Poesia às ruas, às estações de metro, centros comerciais, prisões, hospitais, parques e museus. São planejadas  caminhadas em parques e bosques para batizar árvores com nomes de poetas finalizando os caminhos com a plantação de uma árvore e declamações. Grupos podem distribuir  poesia pelas ruas, confeccionar cartazes com poesia ilustrada, para que sejam afixados em vitrais, murais, paredes, vitrines,ônibus, etc.
 
A imaginação é inesgotável!
 
Compromissos:
A cada Organizador se enviará um poster publicitário via correio eletrónico para que possa ser impresso e distribuído. Também, pela mesma via, o certificado de participação para os Assistentes.

Importante:
A cada Organizador solicitamos os seguintes dados (que deverão estar incluídos nos programas gerais e usados para divulgação):
 
País:
Cidade:
Lugar exato do evento:
Dia e hora:
Organizadores:
Poetas Participantes ou outros artistas:
Coordenador do projeto e seu correio eletrónico.
Patrocinadores:

Para programas de Rádio e TV., anexar:
Emissora/programa/locutores; se tiver emissão pela internet, o link.
 
Para as escolas:
Nível dos alunos, dados dos professores  e outros dados institucionais que sejam oportunos.

Cada Organizador deve comunicar a evolução do projeto e fazer um resumo dos resultados.
 
 
 
Nada pode calar o canto, quando existem razões justas!
 
Em Poesia!
Um abraço cordial!
 
Proyecto Cultural Sur ( pcsur@aei.ca )
Revista Isla Negra ( revistaislanegra@yahoo.es)
Festival Internacional de Poesía de La Habana (proyectosurcuba@uneac.co.cu)
 
Festival integrante de La Red Nuestra América de Festivales Internacionales de Poesía
Festival co-fundador del Movimiento Poético Mundial.
 
 
Vorto en la mondo (esperanto), Palavra no mundo (portugués), Parola nel Mondo (italiano), Worte in der Welt (alemán), Rimayninchi llapan llaqtapi (quechua), Paraula in su Mundu (sardo), Cuvânt în Lume (rumano), Parole dans le Monde (francés), Ordet i verden (danés), Word in the world (inglés), Palabra no mundo (gallego). Ñe’ê arapýre (guaraní), Paraula en el Món (catalán), Chuyma Aru (aymara), Koze nan lemond (creole), Kelma fid-dinja (maltés), Milá baolam (hebreo), Nagmapu che dungu (mapuche), Tlajtoli ipan tlaltikpaktli (nahuatl), Vort in Velt Idish, Dünyada kelime (turco), lhamet ta íhi honhát (Wichi), Titzaa yeezii loyuu,  (zapoteco), Dunyoda so’z ( Uzbeco), Слово в мире (ruso), Pallabra nel mundu (asturiano), Hitza Munduan (vasco), T'aan yóok'ol kaab (maya)
 
VI Festival Internacional de Poesia
                              Palavra no Mundo
 
Em todos os lugares 

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...