mercredi 2 janvier 2013

A META SUBLIME DO HOMEM


Cumpre o homem no mundo uma missão
– a elaboração consciente da sua própria
Identidade espiritual, eterna.
Pelos caminhos ele vai perdendo caminhos
Até tornar-se o próprio caminho.
A sublime imaginação do Rei, o Pastor,
a criança que vai nascer, e o Cristo
é o farol-guia que o alimenta, o orienta,
para não se perder em meio a tantos
desfavorecimentos, sofrimentos e dor.
Caem os conteúdos culturais da contemporaneidade,
O homem vê a riqueza acadêmica fugir-lhe às mãos,
Sente-se só e, muitas vezes, temeroso,
Mas é assim que deverá prosseguir.
Postergada essa missão do homem
No brilho insensato do materialismo em voga,
Sedutor, oportunista, superficial.
Brilham as luzes ofuscantes do mundo material
Anunciando avanços da informática, da técnica;
Mas, nuvens passageiras perante a grandeza imorredoura
do espírito; o que de fato permanece ao longo dos tempos.
Quando, por fim, a santa identidade espiritual
Pronta estiver, nela estarão presentes,
Enriquecendo o homem corajoso,
fiel e devotado ao mister divino,
o Rei, o Pastor e a criança que nasce;
e a doze passos, o encontro com o Cristo.



Gildo P. de Oliveira
Rio Verde, Goias, Natal de 2012

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...