jeudi 20 septembre 2012

A inacreditável história do diminuto sr. Minúsculo”, de Marcílio Godoi, conquista o Prêmio Barco a Vapor 2012


A Fundação SM, criadora do mais importante prêmio literário infantojuvenil do país, o Barco a Vapor, anunciou nesta segunda-feira (17/09) em cerimônia no MIS (Museu da Imagem e do Som de São Paulo), o ganhador do prêmio Barco Vapor 2012 e divulgou a convocatória para o prêmio de 2013, cujas inscrições passam a ser feitas exclusivamente de modo eletrônico, pelo site www.edicoessm.com.br, uma novidade em relação a anos anteriores.

“O júri elegeu por unanimidade A inacreditável história do diminuto sr. Minúsculo,de Marcílio Godoi, em função de sua ousadia inventiva, do convite à ludicidade e do desafio proporcionado ao pequeno leitor na aventura com as palavras.”
O original foi escolhido entre mais de 600 trabalhos inscritos este ano. A obra será publicada na coleção que dá nome ao prêmio, recebendo 30 mil reais a título de adiantamento de direitos. 

Na cerimônia, comandada pelo escritor e jornalista Cadão Volpato e que contou com a presença de cerca  150 pessoas, foi feita ainda uma homenagem à escritora Ana Maria Machado, membro da Academia Brasileira de Letras, e celebrou-se o bicentenário de publicação de Contos da infância e do lar, de Jacob e Wilhelm Grimm.


Mais informações:

A.      R. Comunicação
11.3814-1036 ou 11.8265-7012


A FUNDAÇÃO SM REALIZOU EM 17 DE SETEMBRO A ENTREGA DO 8˚ PRÊMIO BARCO A VAPOR
No Brasil desde 2004, o prêmio fomenta a produção literária infantojuvenil 
Maior distinção nacional concedida à literatura infantojuvenil, o prêmio Barco a Vapor é entregue em uma cerimônia que já faz parte do calendário paulistano de eventos literários. Este ano ela acontecerá no dia 17 de setembro, a partir das 19h30, no Museu da Imagem e do Som (MIS).
Pelo oitavo ano consecutivo, a Fundação SM – promotora e organizadora do evento – anunciará o vencedor do concurso, cujo original será publicado na coleção que dá nome ao prêmio, recebendo 30 mil reais a título de adiantamento de direitos. O prêmio, surgido na Espanha há mais de trinta anos, constitui uma das mais exitosas iniciativas da Fundação SM e é uma das marcas nos países onde o grupo atua: Chile, México, Argentina, Porto Rico, República Dominicana, Colômbia, Peru e Brasil.
“Estamos particularmente muito felizes, pois este ano tivemos mais de 600 inscrições. Este aumento reflete a adesão dos escritores à nossa iniciativa”, comenta Maria Pilar Lacerda, diretora da Fundação SM.
Como ocorre todos os anos, a Fundação SM homenageia uma personalidade ligada à literatura infantojuvenil. Em 2012, a homenageada será a escritora Ana Maria Machado, membro da Academia Brasileira de Letras e vencedora do prêmio internacional Hans Christian Andersen. O evento também comemorará o bicentenário da publicação de Contos da infância e do lar, de Jacob e Wilhelm Grimm. 
O processo seletivo do Prêmio Barco a Vapor
Numa primeira fase, os originais inscritos são triados por um grupo de escritores, professores e críticos. Posteriormente, as obras finalistas são encaminhadas para um segundo júri, que escolhe um único vencedor. Neste ano, participaram do júri final o escritor Ricardo Azevedo, Fernando Paixão, poeta e professor do Instituto de Estudos Brasileiros da USP, Ivone Daré, professora da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, Maria Zélia Versiani Machado, da Faculdade de Educação da UFMG, e Graziela R.S. Costa Pinto, editora do departamento de Literatura de Edições SM.
Fundação SM
Entre suas principais metas estão: estimular o aprimoramento dos professores, incentivar a reflexão sobre educação, apoiar projetos socioculturais de diversas instituições e fomentar a leitura e a produção literária. Apenas no ano passado as ações socioeducativas da Fundação SM beneficiaram mais de 180 mil pessoas no mundo inteiro.
No Brasil, a Fundação é parceira do movimento Todos Pela Educação, responsável pela pesquisa “A educação na Agenda do Próximo Governo”, levantamento sobre as expectativas da população brasileira para a educação entre 2011 e 2014. Outra iniciativa de peso foi a distribuição de 1.200 cartilhas “com objetivo de sensibilizar as famílias para a importância do acompanhamento da vida escolar das crianças e jovens”. Outra vertente importante do trabalho da Fundação SM é a promoção de prêmios: além do Barco a Vapor, ela promove o Prêmio Professores do Brasil e o Prêmio Nacional de Educação em Direitos Humanos – ambos em parceria com o Ministério da Educação (MEC).
Por fim, atuando no fomento à leitura e no incentivo à produção literária, a Fundação SM apoia as principais feiras do setor, como a Feira Literária Internacional de Paraty e o Salão do Livro Infantil e Juvenil da FNLIJ, que acontece anualmente no Rio de Janeiro.


A.R. Comunicação Corporativa
www.arcomassessoria.com.br

Rua Rodésia, 139 cj 31- Vila Madalena
05435-020 - São Paulo -SP
55.11.3814-1036
55.11.98265-7012
Skype: angeloraposo

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...